.Outubro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Sondagem

.ROINES RUTIS

O site - www.rutis.org

.Comentários

Concordo inteiramente com Platão. Joaquim Cosme
Com humor diz-se verdades. Os meus parabéns.
Como é que esta gente pode construir um futuro mel...

.Arquivos

AGENDA ROINESXXI

.Links

.SENIORS - MAYORES - ANZIANI - 前輩 > SENIOR LIFE IN THE WORLD

ROINESXXI = SÉNIOR do século XXI | Journal du XXI siècle - Journal of XXI century - Diario del siglo XXI – Jornal do século XXI - Journal di XXI secolo | Portugal tem 245 universidades seniores, 35 mil alunos e 4.500 professores voluntários | Museu do Louvre (Paris) recebe 10 milhões de turistas/ano, Portugal recebe 18 milhões de turistas | Portugal apresenta o mais baixo nível salarial dentro da Zona Euro | Lisboa é das cidades mais "baratas" da Europa, Zurique é a mais cara | Mais de 455 mil pessoas já viram este blog | Tríade para ser feliz: QUERER, APRENDER, FAZER | A Constituição Portuguesa tem 296 artigos | Portugal tem 308 municípios e 3 091 freguesias | Dia dos roinesianos é a 19 de Fevereiro | Existem no mundo mais de 2.700 línguas, a mais falada é o mandarim | Cabo Girão (na Madeira) é o promontório mais alto da Europa e o 2.º mais alto do Mundo | A igreja Católica em Portugal tem 52 bispos e 3.797 padres | Blog ROINESXXI / address > https://roinesxxi.blogs.sapo.pt/
Domingo, 13 de Maio de 2018

FAKE NEWS, SEUS DISFARCES. QUE FAZER?

Por uma melhor comunicação social

O tema do 52.º Dia das Comunicações Sociais (que hoje se assinala) sensibiliza para o fenómeno das fake news ou notícias fabricadas. Estas notícias falsas são de todos os tempos. São mentiras, são intencionais e destinam-se a desinformar, a prejudicar e a tirar proveitos. Hoje tomam um sentido alargado por circularem nos meios de comunicação social e envolverem os seus profissionais. Opõem-se à transparência, à responsabilidade e à verdade.

O fenómeno das fake news tornou-se epidemia avassaladora, fenómeno de erosão e corrupção. No sentido geral podem tomar formas de ocultação ideológica, deformação de dados, manipulação de pessoas, propaganda política, defesa de interesses disfarçados.

nn.jpg

Os diversos tipos de falsificação de conteúdos denotam culturas em que as qualidades morais de honestidade se degradam. Nelas diminui a responsabilidade, aumenta a tolerância à mentira, a verdade deixa de ser valor chave da vida individual e social.

Por trás das notícias falsas a intenção e os objetivos dos que as fabricam constituem fatores decisivos da sua fabricação que estão na base de motivações para a sua divulgação. Os fatores mais frequentes são os políticos e os antirreligiosos. Neles se misturam ideologias de poder e domínio económico e dos acontecimentos.

Nos conflitos e lutas políticas, religiosas, comerciais abundam as desinformações, a ocultação de factos, a fabricação e falsificação de conteúdos. Considerando a centralidade do cristianismo na história; e mais ainda, a do catolicismo, são estes também os polos que mais são alvejados por ideologias políticas hostis com desinformação, ocultação e fabricação de notícias falsas.

nb.jpg

As fake news contra o cristianismo tiveram um exemplo significativo com o boato e compra dos guardas para difundirem a mentira de que o corpo de Cristo tinha sido roubado do sepulcro pelos discípulos. E isto para não falar da fala enganosa da serpente a Eva no Génesis.

As lutas contra o catolicismo e a Igreja Católica nos últimos três séculos estão semeadas de fake news e desinformações em que a Igreja tem sido denegrida nas suas caraterísticas mais nobres herdadas de Cristo: verdade da sua doutrina, bondade da sua ação a favor da vida humana e dos mais pobres e necessitados; e a beleza na construção do seu património de milhões de obras de arte.

Os autores aconselham várias técnicas para filtrar as fake news, estudar as fontes, aprofundar os dados recebidos, fazer perguntas sobre o autor e os seus interesses e ideologias, a sua etnia, partido político, grupo religioso; verificar as notícias paralelas, estudar as coincidências de datas. Por vezes, convém suspeitar se há uma intenção de ironia, sarcasmo ideológico, agnosticismo extremista, ateísmo militante hostil.

n11.jpg

As suspeitas mais problemáticas surgem agora em relação às redes sociais e às personalidades perturbadas, vulgo, psicopatas, insensíveis ao bem comum. Quando é que na origem da notícia falsa está um tal fabricante e quando é que ele já pôs em circulação mais meia dúzia de outras? Parece que o essencial para escapar aos enganos está que disse “eu sou a verdade”. 

Sem um apoio de confiança a epidemia da mentira alastra e o homem não se torna livre; só a verdade liberta. A mentira escraviza. Pode é demorar muito e já ser tarde para evitar alguns estragos. Também se pode perguntar se a palavra de Cristo se pode aplicar às fake news, segredadas a milhares de ouvidos, e que serão proclamadas sobre os telhados na sua realidade de mentiras ou de verdades? Já será o julgamento final?

n12.jpg

Parece que cada vez mais se precisam de investigadores e especialistas, a toda a prova de competência, responsabilidade e credibilidade, que ajudem a desmascarar tantas fake news que apesar de tudo vão circulando.

Termino com um desejo. Não sendo possível eliminar da circulação todas as notícias falsas, todos são convidados a pôr em circulação notícias de factos reais, que respeitam a verdade, o bem comum, a partilha dos recursos do país sem excluir os mais necessitados.

A alguns fabricantes de notícias falsas não falta aversão às verdadeiras e aos bons conteúdos de paz e amor. Bom será cantar as maravilhas dos que andam por todo o mundo anunciar as “boas notícias” de Jesus Cristo da partilha de pão com amor aos mais pobres.

(Funchal, 13 de Maio 2018 Aires Gameiro)

publicado por j.gouveia às 12:03

link do post | comentar | favorito


REDE
UNIVERSAL
DE NOTÍCIAS

João Godim

FREELANCER


contador de visitas
Contador de visitas
Diseño Web Sevilla



Mil Canções
dos últimos 30 anos


>REPORTAGENS

>EUROPA DIRECT

>METEOROLOGIA

>SOS URGENCIAS

>AEROPORTO LISBOA

>AEROPORTO MADEIRA

>TABELA DE MARÉS

.Fotos


GALERIA ROINESXXI
ROINES NOS MEDIA

.subscrever feeds

.pesquisar

 

EUROMILHÔES


BLOGS RECOMENDADOS


Ecclesia
Museu da Imprensa
Regador do Frei Boléo
Começar de Novo
Contextos Históricos
Portugalidade
USTV
Diversidades
Motivo(s) em foco
Guiné - Bart 1914
A TERRA E A GENTE
Actualidade
O Guardião
Fernando Pessoa
Eça de Queiroz
Laurinda Alves
Livros
Leituras
Livros em português
Hábito de Leitura
Casa dos Poetas
Biblioteca Nacional
Observatório da Língua
Língua Portuguesa no Mundo
NOVA ORTOGRAFIA
Português no Mundo Árabe
Observatório da Emigração


José Régio/João Vilaret
A Procissão/João Vilaret
Pablo Neruda
Gabriel Garcia Marques


Coro da Catedral
Projecto Tio
Televisão Saloia
U.Sénior Machico
U.Sénior Funchal
Academia Sénior
Gastronomia Madeirense

PAISES DO MUNDO

11 DE SETEMBRO 2001

ENCICLOPÉDIA UNIVERSAL

FILMES DE OURO

FILMES PORTUGUESES

LA BALLADE DES GENS HEUREUX
LA VIE EN ROSE
ODE TO MAASTRICHT

VIDEOS MUSICAIS

Amália Rodrigues
Conjunto Académico João Paulo / Sérgio Borges
Manuel Freire
António Prieto
Love Story
Demiss Roussos
Frank Sinatra
Sinatra e Jobim
Vinicius de Moraes
Roberto Carlos
Julio Iglesias
Chico Buarque
Elvis Presley
Conjunto João Paulo
Música árabe
Música céltica
Maria Callas
Laura Pausini
Andrea Bocelli
Música relaxante
Vangelis
Mozart
You light up my Life
Beethoven
Franz Liszt
BeachBoys
Beatles
Elton John
Gigliola Cinquentti
Edith Piaf
Celine Dion
Pavarotti
Louis Armstrong
Nat King Cole
Dont Worry Be Happy

AS MAIS FAMOSAS CANÇÕES DE NATAL

VIOLA OK
Viola clássica Viola/Guitarra
Guitarra/Carlos Paredes
Viola/Gips Kings
Viola/intantil!
Viola/genial!!!
Guitarra Espanhola
Viola:Over the Rainbow
Viola: Kenny Rogers
Viola:José Feliciano