.Outubro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Sondagem

.ROINES RUTIS

O site - www.rutis.org

.Comentários

"Niguém está acima de ninguém" só se for noutro mu...
Pois tudo está em mudança... para melhor e para o ...
A acção dos Templários em Portugal nunca terá sido...

.Arquivos

AGENDA ROINESXXI

.Links

.SENIORS - MAYORES - ANZIANI - 前輩 > SENIOR LIFE IN THE WORLD

ROINESXXI = SÉNIOR do século XXI | Journal du XXI siècle - Journal of XXI century - Diario del siglo XXI – Jornal do século XXI - Journal di XXI secolo | Portugal tem 245 universidades seniores, 35 mil alunos e 4.500 professores voluntários | Museu do Louvre (Paris) recebe 10 milhões de turistas/ano, Portugal recebe 18 milhões de turistas | Portugal apresenta o mais baixo nível salarial dentro da Zona Euro | Lisboa é das cidades mais "baratas" da Europa, Zurique é a mais cara | Mais de 455 mil pessoas já viram este blog | Tríade para ser feliz: QUERER, APRENDER, FAZER | A Constituição Portuguesa tem 296 artigos | Portugal tem 308 municípios e 3 091 freguesias | Dia dos roinesianos é a 19 de Fevereiro | Existem no mundo mais de 2.700 línguas, a mais falada é o mandarim | Cabo Girão (na Madeira) é o promontório mais alto da Europa e o 2.º mais alto do Mundo | A igreja Católica em Portugal tem 52 bispos e 3.797 padres | Blog ROINESXXI / address > https://roinesxxi.blogs.sapo.pt/
Domingo, 14 de Julho de 2019

HUMANOS, O NOSSO MUNDO?

Um musical recente encenou a vida e palavra de Madre Teresa de que uma gota de bem e de amor no oceano faz a diferença. Todo o bem é sempre um ato de alguém e não apenas ajuda humanitária de milhares que pode não ajudar. Ajudas humanitárias sem amor, montagens colossais de alguns endinheirados a fazer mais uns negócios para aumentar a sua riqueza e os seus celeiros só para si mesmos (cf. Lc 12, 16-21).

A desumanidade que, hoje, afeta o mundo é comparável e até supera a doutras épocas desumanas. Fernando Rosa dizia há pouco que os anos 1917-1918 foram dos mais complicados pela crise da República e decisão suicidária de Portugal entrar na I Grande Guerra, males acrescidos da pneumónica a coincidir com a morte de Francisco Marto.

Talvez esta situação responda à questão que me puseram recentemente: que razões para Nossa Senhora ter aparecido (mais) nos últimos tempos? Claro, só ela poderá responder; nós somos convidados a encontrar sentido para compreender. Segundo aquele historiador: é da “aflição de miséria,  gdeuerra, de morte, de doença” que saem duas coisas: “O milagre de Fátima e o golpe de Sidónio Pais” (Ecclesia,10.07.2019).gue1.jpg

E hoje, como vai o mundo? Talvez, também, em tempos dos piores da história. Pessoas são traficadas, para  pedofilia e roubo de órgãos, aos milhares, diariamente; alguns são cada vez mais ricos porque vendem armas que matam, compram e vedem pessoas, lucram com o aborto, com as drogas. Lucram milhões em dinheiro sujo. Ameaçam e exploram milhares e milhares por essa África e Ásia. Obrigam milhões a fugir à morte e fecham-nos em campos de refugiados quase prisioneiros. Uns riquíssimos, cada vez mais os pobres e miseráveis. Para fugirem e serem transportados tem que pagar aos traficantes o que tem e o emprestado.

Muitos fogem dos lobos para os tigres, dos que matam para os que decapitam e esfolam. Encurralados entre feras humanas, pagam ainda mais ou vendem-se para atravessar o Mediterrâneo de porto seguro ou de dilúvio de morte. A milhares, é negado um porto de salvamento. Os mais afortunados encontram pastores dispostos a dar a vida para salvar alguns, milhares. E milhares morrem.

Os voluntários da ajuda ainda são perseguidos por lobos ricos e poderosos. Contudo, tem meios abundantes para salvar da morte estes milhares de prófugos, náufragos e esfomeados. Observa, porém, impávido os comprados e vendidos como gado, que fogem à procura de ajuda e são deixados morrer no abismo das águas e de fome e sede nos desertos.

Poucos políticos, multimilionários, professores, universidades, bem-falantes de assembleias ilustres na Europa, na América e pelo mundo, levantam a voz! Alguns ainda alinham contra a  vida humana.gue2.jpg

Uma epidemia mais grave que a pneumónica invade a humanidade, a da indiferença global de discursos vazios para esconder novos negócios de corrupção e lavagem de dinheiro. Em vez de salvarem a humanidade, alguns castigam os voluntários que arriscam a vida por essas ovelhas devoradas por lobos. Dizia um destes voluntários perseguidos que os netos desta geração pedirão contas pelos que deixa morrer.

O Juiz final, porém, pedirá contas a todos os Cains pela morte dos seus irmãos (Gn 4). Se “os migrantes são …, hoje, o símbolo de todos os descartados da sociedade globalizada” (Papa Francisco 10.07.2019), os Vicentes Lambert são outro terrível sintoma duma das épocas mais desumanas, porque os homens pretendem ser deus.

E “Deus é o único mestre da vida desde o começo até o fim natural e é nosso dever guardá-la sempre e não ceder à cultura do desperdício” (Francisco, 11,07,2019). Felizmente no meio do joio cresce também o melhor trigo dos milhares que dão a vida por Cristo e por todos os seus pequeninos do Evangelho (Mt 25, 40). Nunca tantos deram a vida pelos seus irmãos e pelo seu Irmão Jesus Cristo! Num mar de indiferença dos corações duros. gue.jpg

Qual será então o maior problema humano atual? Falta de meios, não. Diria que é cada pessoa que pode fazer alguma coisa boa, mesmo pequena para remediar algum mal, e não a faz. O problema não são os que fazem atos pequeninos e fazem o que podem. O problema é de cada pessoa que não quer fazer o que pode. E isso nem Deus consegue remediar.

«É mais fácil um elefante passar pelo fundo de uma agulha que o rico entrar no Reino de Deus» (Mt 19, 16-30). Deus ajuda, mas será sempre se a pessoa quiser.
Quer dizer o maior problema é cada pessoa que diz não ao bem que pode fazer. Razão tinha a Madre Teresa: uma gota de bem que cada um faça, faz o mundo melhor e ela fez reduzindo o número dos abortos e das eutanásias em favor do oceano da vida humana.
> Aires Gameiro

publicado por j.gouveia às 09:38

link do post | comentar | favorito


REDE
UNIVERSAL
DE NOTÍCIAS

João Godim

FREELANCER


contador de visitas
Contador de visitas
Diseño Web Sevilla



Mil Canções
dos últimos 30 anos


>REPORTAGENS

>EUROPA DIRECT

>METEOROLOGIA

>SOS URGENCIAS

>AEROPORTO LISBOA

>AEROPORTO MADEIRA

>TABELA DE MARÉS

.Fotos


GALERIA ROINESXXI
ROINES NOS MEDIA

.subscrever feeds

.pesquisar

 

EUROMILHÔES


BLOGS RECOMENDADOS


Ecclesia
Museu da Imprensa
Regador do Frei Boléo
Começar de Novo
Contextos Históricos
Portugalidade
USTV
Diversidades
Motivo(s) em foco
Guiné - Bart 1914
A TERRA E A GENTE
Actualidade
O Guardião
Fernando Pessoa
Eça de Queiroz
Laurinda Alves
Livros
Leituras
Livros em português
Hábito de Leitura
Casa dos Poetas
Biblioteca Nacional
Observatório da Língua
Língua Portuguesa no Mundo
NOVA ORTOGRAFIA
Português no Mundo Árabe
Observatório da Emigração


José Régio/João Vilaret
A Procissão/João Vilaret
Pablo Neruda
Gabriel Garcia Marques


Coro da Catedral
Projecto Tio
Televisão Saloia
U.Sénior Machico
U.Sénior Funchal
Academia Sénior
Gastronomia Madeirense

PAISES DO MUNDO

11 DE SETEMBRO 2001

ENCICLOPÉDIA UNIVERSAL

FILMES DE OURO

FILMES PORTUGUESES

LA BALLADE DES GENS HEUREUX
LA VIE EN ROSE
ODE TO MAASTRICHT

VIDEOS MUSICAIS

Amália Rodrigues
Conjunto Académico João Paulo / Sérgio Borges
Manuel Freire
António Prieto
Love Story
Demiss Roussos
Frank Sinatra
Sinatra e Jobim
Vinicius de Moraes
Roberto Carlos
Julio Iglesias
Chico Buarque
Elvis Presley
Conjunto João Paulo
Música árabe
Música céltica
Maria Callas
Laura Pausini
Andrea Bocelli
Música relaxante
Vangelis
Mozart
You light up my Life
Beethoven
Franz Liszt
BeachBoys
Beatles
Elton John
Gigliola Cinquentti
Edith Piaf
Celine Dion
Pavarotti
Louis Armstrong
Nat King Cole
Dont Worry Be Happy

AS MAIS FAMOSAS CANÇÕES DE NATAL

VIOLA OK
Viola clássica Viola/Guitarra
Guitarra/Carlos Paredes
Viola/Gips Kings
Viola/intantil!
Viola/genial!!!
Guitarra Espanhola
Viola:Over the Rainbow
Viola: Kenny Rogers
Viola:José Feliciano